Mittwoch, 13. Oktober 2010

Dia das crianças, acontecimentos, noites mal dormidas.

[Off: Três posts seguidos em off, finalmente um post em on! Yey! Post gigante que eu levei 4 horas para terminar...]

Hallo.

Estou meio atrasado com meu presente, mas acho que Sealand ainda vai aceitar.
O dia das crianças se comemora em 20 de Setembro no meu país mas como estão todos presenteando então...


Parece um jogo bem interessante. u.u
Feliz dia das crianças atrasado, Sealand.
Eu tentei conseguir algo para a Liechtenstein mas...

"O que eu devo dar para a Liechtenstein? Hm...ela é uma garota...talvez uma boneca. Ah, ela parece já estar passando da época de brincar com bonecas...quantos anos ela tem? Uns 14? O que as garotas fazem nessa idade mesmo? Hm..."
Eu resolvi pesquisar na internet por garotas de 14 anos para ter uma ideia do que elas gostam e apareceu, er...coisas que menores não devem fazer e colocar na internet. u__u [Off: Experimentem colocar isso no google, sério, só aparece merda .__.]
Fiquei meio perturbado e resolvi não dar nada mesmo, desculpe, Liech. y_y
Eu nunca fui muito de ligar para essa data quando eu era mais jovem, mas meu Bruder sempre me dava algo. Principalmente coisas como retratos dele, quadros dele, posters dele, espadas usadas por ele, roupas velhas usadas por ele...ele dizia que eram os maiores tesouros que eu poderia ter, porque ele se acha awesome. =.=''
É.
Eu tenho tudo guardado até hoje.
U_U#

E vocês? O que ganhavam de dia das crianças?

Mudando de assunto, eu fiquei com Feliciano no sábado.

Como eu estou sempre adiantando meu trabalho, para não ficar tudo em cima da hora, acabei tendo pouco o que fazer no sábado, por isso conseguir ir dormir cedo.
Cheguei no meu Bruder e mandei ele calar a boca pedi para que ele fizesse silêncio ameaçando mandar Berlitz avançar nele educadamente e ele acatou ao meu pedido, acho bom.
Estava eu deitado na minha cama, feliz e confortável quando de repente sinto um peso ser jogado em cima de mim... >_>

Feliciano resolveu de última hora vir dormir comigo, como sempre veio só usando uma camisa qualquer e não se lembrou de colocar as próprias calças... =_=
Desculpe pelo incomodo que é Feliciano passar sem calças pela sua terra, Basch. Espero que a Liech não tenha visto ele passando, imagino que não pois ela deve dormir cedo.
Mesmo com a surpresa, consegui pegar no sono depois, quando ele ficou quieto, mas ele resolveu me abraçar e...eu acordei, é. u///u
Nem dormindo ele pode ficar na dele? Mein Gott... =_=
Confesso ter me estressado um pouco, eu só queria dormir.
Pior é onde ele resolve colocar a mão... 
Mal eu sabia que as confusões daquela noite estavam apenas começando.
Ele resolveu alugar um filme bem aquela hora da noite, conseguem acreditar?
Tentei negar, mas foi inútil.
Imprestei uma das minhas calças para ele e estavamos saindo da minha casa quando eu ouvi um som lá dentro, como sempre, Feli quis fazer um escandalo mas convenci ele a esperar quieto lá fora.
Voltei para dentro, peguei uma almofada do sofá (o quê? é uma arma passiva, sabiam?!) e fui cautelosamente andando pela casa, lá fora eu havia tido a impressão que o barulho vinha do porão, mas quando eu estava chegando perto da porta ouvi outro barulho vindo da cozinha e mudei meu rumo.

Silenciosamente, entrei na cozinha, pronto para atacar, mas era apenas meu Bruder.

- Ah, é você. - eu disse, respirando aliviado, a última coisa que eu queria era lidar com um maluco que invadiu minha casa.

- Ué, você não tinha saído com o Feli-chan? - falou meu irmão, sorrindo como sempre, mas havia algo hesitante naquele sorriso, ele parecia nervoso.

- Eu ouvi um barulho estranho e entrei aqui para ver o que era. Você não está bagunçando a minha cozinha, não é? - olhei em volta procurando qualquer sinal de bagunça ou sujeira e vi uma caneca de vidro quebrada no chão. - Tsc, o que você tem na cabeça?!

Nervoso, eu fui até o que sobrou da caneca onde parecia ter também restos de cerveja em meio aos cacos do chão. Odeio que sujem a minha cozinha, aliás, odeio que sujem qualquer parte da minha casa. =.=

- Naa, deixa que eu cuido disso! Vai lá com o Feli-chan! - disse ele entrando na minha frente. - Mas eu já aviso, não fui eu quem quebrou a caneca! Eu só vim aqui fazer panquecas e ouvi ela se quebrando e...

- Sei, sei. Então alguém, entrou na minha cozinha, pegou uma caneca de cerveja, bebeu quase tudo, deixou cair no chão e fugiu? - falei impaciente, depois assumi um tom irônico. - Estranho, não? 

Ele continuou negando que tivesse sido ele, simplesmente mandei que ele se virasse para limpar e fui embora.
Claro que mais tarde quando eu cheguei fui conferir se ele tinha limpado tudo certo. u_u

Eu e Feliciano pegamos o caminho da locadora juntos. Enquanto ele falava das coisas cotidianas dele, acabei me desligando do que ele dizia, ao sentir que estavamos sendo seguidos.
Sabe aquela sensação que tem alguém te observando? Então, era isso.
Tentei descobrir desfarçadamente quem era mas quando percebi, Feli estava correndo feito um louco. Tive que correr atrás dele e mandar ele parar. >_>
Ainda bem que a rua em que estavamos não havia ninguém além de nós e do possível "stalker". ~_~
Tentei tranquilizar ele, afinal, nenhum idiota teria continuado a seguir a gente depois de todo o escandalo. @.@

Chegamos na locadora, Feli logo se distraiu procurando por um filme. Antes que eu pudesse começar a procurar, pensei ter visto alguém fora da locadora olhando para mim, mas quando me preocupei em olhar Feli veio com um filme e enfiou a capa dele na minha cara, tampando minha visão.
Olhei bem para o filme e reconheci na hora qual era notei que não era um filme adequado para assistir junto com Feliciano. u_u
Depois ele veio com um filme italiano sobre uma garota doida que eu prefiro nem comentar. É cada uma, viu. ú_u"
Resolvi eu mesmo escolher um filme, mas enquanto procurava, pensei ter visto alguém conhecido do outro lado da prateleira, nos espiando.
Quando eu finalmente ia conseguir ver quem era, o maldito derrubou a prateleira e saiu correndo. =_=


Irritado, comecei a apanhar os DVDs que caíram e tentei explicar para Feliciano o que aconteceu, ele havia acabado por achar que aquilo havia sido um "atentado".

Feli por fim, escolheu alugar Procurando Nemo.
No caminho de volta, tentei ver se o tal cara estava nos seguindo de novo enquanto Feliciano tomava gelato que eu havia comprado para ele. Eu disse que não era aconselhável ficar comendo isso aquele horário, mas como sempre ele não me deu ouvidos. u_u

Chegando em casa, meu Bruder nos ofereceu panquecas, mas eu estava muito estressado e só queria ficar na minha cama e esquecer daquela noite confusa.
Me senti um paranóico por ter sentido alguém nos seguindo mas não ter sido ninguém. =.=

Fui até meu quarto e me deitei novamente, achei que Feli faria o mesmo mas ele não veio. Me senti meio incomodado decepcionado por isso sugeri que ele também viesse se deitar. Mas ao invés dele dormir, ele ficou falando do bendito filme que tinhamos alugado, até que finalmente me obedeceu e ficou quieto.

Estava tudo correndo bem, quando senti novamente um peso sobre mim, mas não podia ser Feliciano dessa vez.
Abri os olhos e me deparei com aquele Roma Antiqua em cima de mim enquanto esfregava o rosto no de Feliciano. >__>
Ele havia arrumado panquecas, não sei se ele pegou escondido ou se ele conversou com meu Bruder. Na verdade, aquilo começou a ficar tão insano que eu acho que foi apenas um sonho. ê_e

Roma veio com um papo sobre uma novidade que ele queria conferir de perto e depois começou a falar de pederastia.

- N-Não é bem assim... - eu disse quando ele falou como se eu fosse um pederasta. - Eu só me sinto assim com ele e..ah, eu não te devo explicações! - tornei meu tom irritado, quem ele pensa que é para entrar no meu quarto no meio da noite e falar daquele jeito comigo?!

- Como não? Eu sou o avô do seu namorado! Estou bem conservado, mas ainda sou! - falou em um tom de quem fingi indignação. - E você nem pediu permissão para namorar com ele.

- Como eu ia pedir algo assim? Você devia estar morto! 

- Eu estava brincando! Brincando! - ele riu. - Eu já tive tantas namoradas escondidas, até mesmo escondidas das outras. ¦D

- Não estamos nos escondendo e não me compare com você!

- Bom, se acalme. - ainda sorrindo, ele continuou. - Eu quero aproveitar para dizer que, devo admitir, nunca fui a favor da relação entre vocês dois. Sabe, eu olho para você e me lembro de um amigo antigo meu, isso me deixa meio irritado.

- Por que se lembrar de um amigo te deixa irritado?

- Digamos que esse meu amigo fez algo ruim mais tarde para mim. Vocês dois se parecem muito e fiquei pensando se você não ia acabar fazendo com que Feliciano tivesse o mesmo fim que eu, por isso eu disse que ele não deveria se juntar a você desde o começo... - ele olhou sorrindo calmamente para Feliciano que estava adormecido. - Vocês dois parecem felizes juntos, talvez eu estivesse errado esse tempo todo, afinal.

Fiquei sem ter o que dizer, ele parecia do tipo que não falava sério então ouvir ele dizendo aquelas coisas era estranho.
Mas logo ele começou a falar sobre "rapidinhas na escadaria", ou seja, acabou o clima de seriedade. >_>
Ele então se despediu, mas alguns segundos depois voltou, colocando apenas a cabeça para dentro do quarto, pela porta.

- Ah, sim, já ia esquecendo! Cuide de seu irmão, mas não se esqueça do meu netinho fofo, tudo bem? Estou contando com você! Fique firme, se você já perdeu duas, pode ser que sua sorte mude na terceira tentativa! - abri a boca para perguntar o que ele queria dizer com aquilo, mas antes que eu pudesse responder, ele tirou a cabeça e fechou a porta.

...?

Não consegui mais dormir depois disso. Deixei para lá minha confusão e pensei nele ter proibido que eu ficasse com Feliciano quando eramos crianças. Eu precisava contar logo quem eu era, com ou sem minhas memórias.
Fiquei o resto da noite sentado, pensando no que dizer, finalmente quando Feli acordou, eu pedi a atenção dele para esse momento.


"Vou falar tudo de uma vez, acho que assim vai ser mais fácil. Eu sei que pode parecer loucura e talvez você comece a me odiar quando souber, mas nos conhecemos a muito tempo. Eu fui o Sacro Império Romano, meu Bruder me contou a pouco tempo mas eu perdi minhas memórias daquela época por isso não te contei isso antes..."
Percebi que depois de ouvir isso, as lágrimas começaram a brotar de seus olhos, nervosamente, acrescentei.
"M-Mas mesmo que eu não me lembre quem eu fui e dos momentos que passamos juntos no passado, o que eu sentia naquela época não mudou! Mesmo inconcientemente, continou aqui." coloquei a mão no meu peito, meio trêmulo, não estou acostumado a situações como essas. 
"Eu sempre...a...a...amei você." 
Depois ele sorriu, então deve ter ficado tudo bem. =_=
Ainda não sei se a história do Roma Antiqua foi real ou não, mas me ajudou a tomar coragem para contar a verdade ao Feliciano, então de qualquer jeito, danke. ~_~


I...I...Ich liebe dich, Feliciano. u///u

 

Kommentare:

  1. ty pelo jogo desu yo~ x3

    [off: wtf a montagem
    seus posts me deixam com inveja <3 são muito fofos]

    AntwortenLöschen
  2. Eu já morei na sua casa então,eu gostava de lá,mas prefiro hoje em dia.
    E... qual o problema com o que meninas de 14 anos gostam? y_y

    AntwortenLöschen
  3. Oh West, está desconfiando de mim? ;-;

    Foi sério o que falei! >_< Mas acabei limpando do mesmo jeito .-.

    Aham, o Roma... o_o' Podia ter perguntado o que ele achou das minhas panquecas u_u'

    [OFF: Eu já vou avisando, eu quero me aproveitar desse momento, mas não sei como ;-;/querenfiarcoisadeguerranomeiooiq]

    AntwortenLöschen
  4. Anch'io ti amo, Ludwig! ♥
    E-Eu estou tão feliz de você ter me encontrado naquela caixa de tomates! Ainda bem que você não acreditou que eu era uma fada...ve. ;; (off:qq)
    Ne, ne, Ludwig, você não comeu nada mas também teve sonhos estranhos com meu avô, por que será?

    (off:Sua montagem humilhou a minha. T-T... Waaaa, ficou muito bom!! Ri muito com o Ludwig e o Gilbert na cozinha!! *-* "Eu já tive tantas namoradas escondidas, até mesmo escondidas das outras. ¦D " isso ficou marcado. xDDD Ficou muito fofo o jeitinho do Ludwig contando sobre o passado!! ;o;///)

    AntwortenLöschen
  5. Aff, só esse Roma mesmo para usar essa toga ridicula na rua, claro que iria parecer suspeito u.û
    E deixo bem claro, eu não sou esse amigo que ele está falando, nem amigos eramos >.<

    AntwortenLöschen
  6. Sealand: De nada.
    [Off: lol obg o.o]

    Liechtenstein: Er...não é a questão do que elas gostam, é que eu fiquei meio confuso com a minha pesquisa. ú_u

    Bruder: Você tem agido muito estranho últimamente. ê_e
    [Off: Pode se aproveitar q, ganbate '3'/]

    Feliciano: u///u
    Eu também estou feliz...eu acho.
    Minha vida mudou completamente depois daquela caixa de tomates...
    Em falar nisso, você até hoje não me apresentou os seus tais parentes da Baviera. >_>
    [Off: Que nada x_x Meu Roma ficou relativamente menor ali, eu não ajustei direito >< Que bom que gostou do jeito que eu fiz, obg *-*]

    Sadik: Er...eu nem parei para pensar em quem seria o tal amigo, mas você não se parece comigo então não deve ser...

    AntwortenLöschen
  7. *Mente cheia de pensamentos inapropriados prontos para serem usados em doujinshis* Awww... você e Feli são a coisa mais linda juntos... espero que sejam muito felizes! :3

    [Off: Suas postagens são muito perfeitas. *---*]

    AntwortenLöschen
  8. Um dia isso teria que acontecer, ne ^^
    Que bom que agora está tudo esclarecido direito!

    [off: suas postagens humilham! *-*]

    AntwortenLöschen
  9. Ainda bem que vcs estão se resolvendo. Roma Antiga dando as caras? Tensoooo.

    [[off: suas postagens humilham!+1]

    AntwortenLöschen
  10. Anda comendo batatas demais?
    Roma jii-san não pode ficar te seguindo por ai, ele desapareceu a muito tempo. õ-o

    AntwortenLöschen